Israel

Destinos > Israel > Minhas Viagens
26 setembro 2022

Sim! Partiu Israel.ūüáģūüáĪūüõ©

Uma viagem que estava programada para acontecer antes da pandemia e que finalmente saiu!ūüôĆ

Estou extremamente ansiosa para conhecer e desbravar a terra Santa!

Vou mostrando tudo por aqui!
Vamos juntos?



1 1

Nossa primeira noite aqui em Jerusalém e já tivemos uma experiência incrível no rooftop do hotel Mamilla onde estamos hospedados.

Do topo a gente se vê preso entre dois mundos. De um lado o calçadão Mamilla repleto de lojas chiquérrimas e cafés. Do outro, a antiga Cidade Velha de Jerusalém acena!

A beleza silenciosa das estruturas antigas faz a gente parar e pensar em toda história desse lugar!

O terraço desse hotel é provavelmente um dos lugares mais bonitos onde se pode fazer uma refeição em uma cidade que não carece de salas de jantar atmosféricas. E realmente foi uma noite muito especial.

932F87C2 30B8 4F68 9AD9 4450209E4129
AE2A7451 B0D5 40D2 948B D04D36E4F601

A capital de Israel re√ļne hist√≥ria, cultura e museus, al√©m de locais sagrados para o cristianismo, juda√≠smo e islamismo. Hoje percorremos a Cidade Velha de Jerusal√©m.

Logo ao colocar os p√©s perante o muro das lamenta√ß√Ķes a atmosfera de f√© e devo√ß√£o tomaram conta de mim . Quando Jerusal√©m foi incendiada somente o muro sobrou. Hoje fi√©is judeus oram e depositam seus desejos por escrito. Foi impressionante a energia do lugar.

Seguindo caminho visitamos o monumental Domo da Rocha, um local em que judeus e crist√£os acreditam que Abra√£o estava
disposto a oferecer o seu filho
Isaque em sacrifício a Deus.

J√° percorrer a Via Sacra at√© a foi um passeio muito emocionante e possuiu um significado muito importante para mim que sou crist√£. Segundo a hist√≥ria, o trajeto faz parte das √ļltimas horas de vida de Jesus Cristo antes de ser crucificado.

Por v√°rias vezes me arrepiei e me emocionei com os relatos contadas por nossa guia.

Rodeada por muros antigos, a Cidade Antiga é o lar de lugares sagrados.

F148437A C385 4F5F 931C 13863758556E


Entrar na igreja que marca o local do nascimento de Cristo em Bel√©m significa ter que se abaixar. A √ļnica porta na parede frontal em forma de fortaleza tem apenas 1,2 metros de altura e foi chamada de Porta da Humildade.

A entrada anterior da Igreja da Natividade em Belém foi rebaixada por volta do ano 1500 para impedir saqueadores de entrar com suas carroças. Para os cristãos, parece apropriado se curvar antes de entrar no lugar onde Deus se humilhou para se tornar homem. E foi o que fizemos nos encurvamos para entrar!

Desde 160 d.C. a Bas√≠lica da Natividade √© cultuada como o local do nascimento de Jesus Cristo. No subsolo, abaixo do altar, fica a Gruta da Natividade e dentro dela h√° no ch√£o uma estrela de prata de 14 pontas, que marca o lugar exato onde acredita-se que Jesus nasceu. Tudo por aqui √© contato como suposi√ß√£o, mas a energia que emana por todos esses lugares faz com que a hist√≥ria seja muito verdadeiraūüôĆūüĆü!

Em raz√£o de os mu√ßulmanos considerarem Jesus como sendo o segundo maior profeta isl√Ęmico, o local √© considerado sagrado tanto para o cristianismo como para o islamismo.

Mais um lugar que tocou o meu ‚ô•ÔłŹ

A22BCA53 DA3C 4ED8 8643 F6ADD4FF1625

Fomos jantar no Machneyuda, considerado um dos melhores restaurantes de Jerusalém .

O card√°pio oferece uma vibrante cozinha mediterr√Ęnea e do Oriente M√©dio feita com ingredientes retirados do mercado Mahane Yehuda, nas proximidades.

Lan√ßado h√° uma d√©cada por um trio de chefs israelenses, o conceito se transformou em um grupo multinacional de hospitalidade. Caixotes de legumes alinham o espa√ßo r√ļstico, enquanto a cozinha aberta permite que os clientes assistam √† prepara√ß√£o de pratos art√≠sticos, liderados por produtos, desde tartare de lombo com am√™ndoas verdes a f√≠gados de galinha com pur√™.

OI Machneyuda ambiente √© super descontra√≠do! A m√ļsica toca MUITO alto, mas muito mesmo e isso dificulta a conversa na mesa!
De vez enquanto os chefes se animam e agitam o p√ļblico.ūüöÄ

Foi uma experi√™ncia gastron√īmica maravilhosa!

9EB3165F 9B4A 431C B38F 98579D592609
5AE7C654 E4B1 4059 82B5 D27F28658A70


Hoje foi dia de explorar o Monte das Oliveiras! Subimos de carro e fizemos todo percurso ate o Jardim a pe, o caminho da peregrinação.

A região do Monte das Oliveiras em Jerusalém foi o local onde, de acordo com a tradição cristã, Jesus transmitiu muitos de seus ensinamentos aos discípulos, orou, foi traído, preso e, posteriormente, subiu aos céus.

Segundo a tradi√ß√£o, no alto do Monte das Oliveiras, Jesus teria realizado serm√Ķes para seus disc√≠pulos e seguidores.

O nome do lugar se deve realmente à presença de árvores de oliva que antigamente cobriam as encosta da montanha!

Sem d√ļvida uma das partes mais marcante do Monte das Oliveiras √© o hist√≥rico cemit√©rio judeu que cobre parte de sua encosta. Com mais de tr√™s mil anos e 150.000 t√ļmulos, √© o cemit√©rio mais antigo do mundo.

Além de ser um lugar histórico tem uma vista lindíssima da Terra Santa!

Aos pés do Monte das Oliveiras, foi onde Jesus teria orado pouco antes de ser preso. O local, com nome de Jardim de Getsêmani, é ocupado por varias oliveiras que podem chegar a ter ate 2.000 anos de idade. O nome, que significa prensa de azeite, é referência direta a elas.

Foi sob aquelas √°rvores que Jesus teria passado seus √ļltimos momentos em ora√ß√£o, antes de suar sangue sobre a pedra que eh representada hoje pela rocha dentro da Bas√≠lica da Agonia – ao lado do Jardim. No jardim, oliveiras continuam sendo plantadas pelos novos papas da Igreja Cat√≥lica.

7842754A B328 4390 81D7 6155DF430894


Hoje fomos visitar dois museus também !!! Em nenhum pode-se tirar fotos. Vou ficar devendo!

O Museu de Israel √© o principal museu do pa√≠s, tanto em tamanho quanto em import√Ęncia, mas que pouca gente conhece.

Criado em 1965 para abrigar os Manuscritos do Mar Morto, que são os manuscritos mais antigos da Bíblia. O Museu de Israel é dividido em três grandes temas: Arqueologia, Arte e Vida Judaica e Belas Artes.

Fomos ate ele mas so fomos visitar a maquete gigante (da foto) da antiga Jerusalem e o manuscrito! Incrível!

Ja o museu do Holocausto é provavelmente o museu mais simbólico de Jerusalém.

√Č dedicado aos mais de 6 milh√Ķes de judeus que morreram durante o Holocausto.

Percorrendo pelo museu a gente consegue vivenciar uma experiência reveladora, assustadora e dolorosa das vivências de todas aquelas pessoas num dos episódios mais inacreditáveis da história através de fotografias , cartas, maquetes e objetos pessoais como testemunhas desse horror todo!

Outro ponto muito comovente foi entrar no Salão dos Nomes, onde um impressionante monumento de pedra mostra as fotos e os nomes dessas vítimas.

Sem d√ļvida um lugar triste de reflex√Ķes inevit√°veis!

8E00F603 EE05 41D0 8C92 492294923B82

E lá fomos nós fazer uma degustação no principal mercado de Jerusalém!

O charme aqui do mercado, além de seus produtos, é a diversidade cultural na atmosfera do lugar misturada entre judeus ortodoxos, palestinos, armênios, árabes, etíopes.

Aqui voc√™ consegue desfrutar de mais de 250 barracas onde vende-se principalmente frutas, carne, peixe fresco e doces!

Sabe o que experimentamos????

Um tipo de hamb√ļrguer chamado Araies
Um folhado chamado Bureka
Um docinho chamado halewa (halva)
Kibe – aqui se usa um treino diferente

Afffff….

22A07126 3B3D 409E B6D7 839163D74122

Enterrado nas profundezas das colinas da Jud√©ia, aninhado entre um p√°tio de √°rvores frut√≠feras sazonais, fica um restaurante delicioso chamado Madja, um pequeno restaurante operado na casa do casal Michal Baranes e Yakub Barhum (‚ÄúJerusal√©m‚ÄĚ).

Localizado na vila √°rabe de Ein Rafa, Madja √© o reflexo perfeito de seus propriet√°rios. Michal √© judeu, enquanto seu marido, Yakub, √© mu√ßulmano ‚Äď mas sua comida √© uma mistura de Ambas.

Essa sensação de harmonia surge no cardápio do Majda, em receitas como o falafel de camarão não kosher e a infinidade de vinhos não halal que estão disponíveis para degustação, pois o restaurante não é tendencioso a uma religião ou outra. A eliminação das leis alimentares judaicas e muçulmanas das receitas de Madja produz pratos que são verdadeiramente uma mistura de ambas as culturas, ao mesmo tempo em que abre oportunidades para infinitas possibilidades culinárias.

32AD9123 E06E 472C AF5F EF648F2BD089


Um bom lugar para jantar √© o Restaurante Mona, um restaurante/bar aberto √† noite constru√≠do na antiga sede da Bezalel Academy of Design, um vener√°vel edif√≠cio de pedra onde a rua Shmuel Hanagid encontra a rua Schatz. O card√°pio √© diversificado, oferecendo saladas tradicionais, bifes, sopas e sandu√≠ches, al√©m de trazer pratos de outros lugares (tapas espanholas) ‚Äď mas o principal destaque √© o generoso bar.

N√≥s sentamos do lado de fora, uma del√≠cia de lugar! Amei todos os restaurantes que fomos at√© hoje, mas esse ficou com bem cota√ß√£o por enquanto! 

9AA850F9 E02B 44BB 896C C163613CFA0E
FAAFC4D3 732C 464A A5A3 3AD41ECC5E14

Quem vem para Israel n√£o pode perder a oportunidade de conhecer de pertinho e o Mar Morto.
Quem vem para Israel n√£o pode perder a oportunidade de conhecer de pertinho e o Mar Morto.

Hoje fizemos um passeio √ļnico de barco para explorar esse destino t√£o fascinante!

Nosso guia era maravilhoso contanto todas as curiosidades sobre o Mar Morto! Foi realmente incrível!

‚ě°ÔłŹCom algumas dessas curiosidades farei uma enquete no Stories em formato de quizz!
Bora PARTICIPAR? Quero ver quem manja sobre o ‚Äúmar‚ÄĚ.

AF32D072 4024 4541 A9CF 889DB4A8F65A
217A0202 0578 42B5 960D 08A1E3AB6466
D25B3819 DB1C 4E4B 9465 F099E243BB08

Ao contrário do que o seu nome sugere, na verdade o Mar Morto é um grande lago de água extremamente salgada.

O legal aqui √© boiar sem fazer esfor√ßo algum e isso acontece devido a alta concentra√ß√£o de sal que existe no local, que √© 10 vezes maior do que nos oceanos. Aqui voc√™ n√£o afunda nem se quiser!!!ūüėāūüėāūüėā

Além de ser incrivelmente maravilhoso o nosso passeio foi divertidíssimo.

F9C561D3 8741 4E37 B6A7 991CA5CD1F13

Depois de percorrer as √°guas do Mar Morto n√£o poderia ter lugar melhor do poder avist√°-lo do alto!! E que vista!!!!!!
Depois de percorrer as √°guas do Mar Morto n√£o poderia ter lugar melhor do poder avist√°-lo do alto!! E que vista!!!!!!

Há 400 metros de altitude está a antiga fortaleza de pedra rochosa chamada Massada construída por Herodes.

Essa impressionante fortaleza desafiou todas as constru√ß√Ķes da sua √©poca e se tornou um dos lugares mais incr√≠veis do deserto da Judeia.

Agora transformado em um parque nacional israelense e entitulado Patrim√īnio Mundial da UNESCO, o complexo de 840 acres abriga ru√≠nas bem preservadas que atestam a hist√≥ria do antigo reino de Israel e a coragem de seu povo diante de um cerco romano.

A emocionante hist√≥ria do local revela a coragem dos judeus defensores de Massada e sua batalha contra os conquistadores romanos, onde durante anos foi o ref√ļgio de Herodes e de um grupo de resist√™ncia judeu.

Al√©m de ser nomeada Patrim√īnio Mundial da UNESCO, desde o in√≠cio do s√©culo XX, Massada √© considerada um s√≠mbolo do hero√≠smo nacional judaico, exercendo um forte apelo √† liberdade e √† independ√™ncia de Israel.

Saber de toda essa hist√≥ria com o deserto como pano de fundo foi sem d√ļvida alguma extraordin√°rio!

Ah! Mas n√£o se assustem, voc√™ n√£o precisa subir andando o caminho da cobra, tem um bondinho que te leva l√° para cima!!!! ūü•Ķūüöč

4739F60A 3435 4388 A744 76F2C49F08B6

√Äs margens do mar Mediterr√Ęneo, entre Haifa e Tel Aviv, est√£o as ru√≠nas romanas mais impressionantes da antiga cidade portu√°ria e bem conservadas de Israel: Cesareia.
Fundada no século I a.C. por Herodes, o Grande, rei da Judeia e vassalo de Roma, que quis homenagear o imperador romano batizando essa nova cidade com o nome de César. Nos séculos II e III, Cesareia se tornou uma das cidades orientais mais influentes do Império Romano.

O lugar, construído para ser um rico e moderno porto, ainda hoje abriga restos de um hipódromo, um anfiteatro, torre de observação, grandes templos, casas de banho e um incrível aqueduto.

Ao longo dos anos foi palco de disputas e hoje se transformou em Parque Nacional é um ótimo passeio por quem vem a Israel.

Passar alguns minutos, frente aquele mar transparente e tentando imaginar a beleza que seria aquele palácio em cima do mar, é obrigatório!

9F589671 B91F 4134 B50E 00262BEE946B
86227E35 70DF 460A AF57 AB14DD6114DA

Conforme os evangelhos, Nazar√© foi a cidade onde Jesus passou sua inf√Ęncia e onde a Virgem Maria recebeu a visita do Anjo Gabriel. Por isso, Nazar√© est√° cheia de templos que veneram esses acontecimentos.

Fomos então visitar a impressionante e moderna Basílica da Anunciação. Ela foi construída em 1969 sobre os restos de uma antiga igreja bizantina que venerava o lugar onde Jesus viveu seus primeiros anos com Maria e José.

√Č poss√≠vel ver de perto o local que teria sido a moradia de Maria, mas a entrada √© proibida, tirei uma foto do port√£o onde guarda o lugar onde a Sagrada Fam√≠lia morou. Dizem que desde o s√©culo I pessoas deixavam marcas nas paredes indicando que ali teria realmente sido a casa dela.

Uma hora parei ali, onde Jesus passou, e fiquei tentando imaginar como teria sido a vida dele!
Meu cora√ß√£o encheu em sentir como se ele estivesse ali, do meu lado, vivendo a sua vida! 

EB473C27 BBA7 44DA BAE0 4C204061D69D
3EA66D90 2746 4816 A9E0 67EB78D7FAE5

Uma das maiores atra√ß√Ķes daqui de Tel Aviv √© a parte antiga da cidade, chamada de Velha Jaffa. Jaffa √© uma antiga cidade portu√°ria com restos preservados de acr√≥pole desde a Idade de Bronze

Visitar Jaffa significa viajar ao passado. A história aqui foi marcada pela passagem de cananeus, bizantinos, otomanos e cruzados.

Hoje, as antigas casas dão espaço a restaurantes, bares, boutiques artesanais e principalmente a galerias de arte.

Outros atrativos bem bacanas por Jaffa são os azulejos azuis com diferentes signos espalhados pelas casas e placas de rua, a Casa de Simão, o Curtidor, a relíquia histórica onde o apóstolo Pedro se hospedou e teve uma visão com animais impuros, a árvore flutuante de laranjeira símbolo da cidade e da eternidade da Jaffa milenar e por fim a Porta egípcia de Ramsés II: datada do ano 1400 a.C. que dava acesso à cidade portuária, quando Jaffa estava nas mãos do Egito!

Indico muito esse passeio. E ainda tomei o melhor sorvete ūüć¶ da VIDA aqui. Lugar lind√≠ssimo!

DD1CC599 1161 4DB5 A04F 9F166574751B

7300347C 0673 414A BFBB E6E140752604

PUBLICIDADE